JOÃO ARENGA

JOÃO ARENGA

Professor de Yoga

 

Olá, o meu nome é João Arenga, e  desde de cedo que me interesso pelo cuidado do outro e por estar sempre muito envolvido no amor ao próximo.
Apesar do começo profissional seguir um caminho mais metódico e estruturado, o de Engenharia, que me deu fundações na minha vida actual. Acabei por não me integrar no Mundo profissional em para lá conviver era necessário representar um papel com o qual não me “identificava”.

Descobri o caminho das terapias e fiquei fascinado, não só pela cura que trouxe até mim, como o facto de ter despertado a vontade de poder usar todo o conhecimento e sabedoria que se faziam chegar aos outros.

A terapia/massagem Ayurveda chega mais tarde! Encantou-me a filosofia em que consideramos o Ser Humano como um todo, em que não se separa o corpo da mente ou do coração!
Em que acreditam na preservação da saúde ao invés de tratar apenas no estado de doença.

Quanto ao Yoga/Meditação foi algo complementar, que aprofundou a estrutura interna e me permitiu fazer primeiramente um trabalho individual cuidando de mim, permitindo a minha auto-descoberta e aproximação mais profunda com todos aqueles que me rodeiam.

Então senti uma vontade imensa de transmitir todo o bem que esta ciência contemplativa, o Yoga, trouxe a mim para todos os outros.
Neste momento encontro-me a fazer mais formação em Yoga para aprimorar os meus conhecimentos, e trazer ainda mais qualidades a todos os que chegam até mim.

É aqui que entro no Life Center, como cuidador, orientador, um guia para descobertas internas.
Onde as aulas de Yoga ajudam na libertação de stress, tensão e alinhamento do corpo, mente e coração. Trazendo um espaço positivo ao corpo: muscular, orgânica, e mental, permitindo desta forma adquirir a paz que se encontrar adormecida em todos nós.

A nível terapêutico, é fornecida uma purificação de todos os tecidos muscular, órgãos, mente e coração!
A mente liberta-se, a paz é revelada e o bem-estar torna-se evidente. Mas tal como referido é preciso mantermos uma mentalidade de manutenção de saúde, e não só de cuidar quando já não aguentamos mais o sofrimento e ou a dor.

Faço o que amo, faço-o com todo o coração e os mais importante é cuidar daqueles que se apresentam com o maior amor possível!

João Arenga